O HRO
banner-sobrepor2

CONHEÇA O HRO

O Hospital Regional do Oeste (HRO), administrado pela Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, conta com 337 médicos, 1.032 funcionários, possui 25 especialidades médicas e atende uma população de 1,3 milhão de pessoas, abrangendo os municípios da região oeste catarinense, sudoeste do Paraná, norte e noroeste do Rio Grande do Sul.

O Hospital Regional do Oeste é referência em alta complexidade nas áreas de Neurocirurgia, Gestante de Alto Risco, Captação e Transplante de Rins e Córneas, Urgência e Emergência, UNACON (Quimioterapia, Radioterapia, Oncologia Clínica e Cirúrgica e Roentgenterapia), UTI Neonatal e UTI Geral.

Em 2011 conquistou um Certificado de Responsabilidade Social concedido pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Tem como missão ser uma instituição comprometida com a saúde, prestando serviços de excelência para a melhoria na qualidade de vida do cidadão.

HISTÓRIA DO HOSPITAL REGIONAL DO OESTE

Construção do Hospital Regional do Oeste

A construção do Hospital Regional do Oeste teve seu início em fevereiro de 1982. Sua inauguração ocorreu em 30 de outubro de 1986, com funcionamento inicial de 60 leitos.

Administração do Hospital Regional do Oeste

A administração foi transmitida pelo então governador de Santa Catarina, Esperidião Amin, no seu primeiro mandato, ao Padre Niversindo Querubim, representando a Beneficência Camiliana do Sul. Consta nos registros do Hospital que o prefeito da época era Ledônio Migliorini e o primeiro diretor clínico o médico José Aymone Neto.

Assumiu o cargo de diretor geral, Cleber José do Nascimento, no período de 1986 a 1989. Após, o cargo foi repassado para Sebastião Neres, até o ano de 1990. A transferência administrativa para a Sociedade Beneficente Lar da Fraternidade (SBLF), ocorreu em 27 de agosto de 1990. A SBLF foi reconhecida como de utilidade pública em 30 de abril de 1993.

Em 12 de outubro de 1997, o governo do estado de SC criou o Conselho de Administração do Hospital Lenoir Vargas Ferreira. Esse, era presidido pelo secretário adjunto da saúde. O Conselho foi composto por três representantes do SES (Secretaria Estadual da Saúde), três representantes do Corpo Clínico do Hospital, três representantes dos funcionários e um representante de cada micro-região.

O Conselho desenvolveu uma análise do Perfil Técnico Administrativo do Hospital, concluído em novembro de 1997, com o objetivo de adequar de fato o HRO, como referência Regional do Oeste. Uma vez concluídas as análises, o Conselho iniciou a transição da Sociedade Beneficente Lar da Fraternidade para o Consórcio Regional de Municípios.

A Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira

Logo Hospital Regional do Oeste

O Consórcio Regional de Saúde do Hospital Lenoir Vargas Ferreira passou a administrar o Hospital Regional do Oeste (HRO), já com a nova denominação, em primeiro de janeiro de 1998. Atualmente, o HRO é administrado pela Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira.

CONHECER A ASSOCIAÇÃO HOSPITALAR LENOIR VARGAS FERREIRA

Nova ala do Hospital Regional do Oeste

A nova ala do Hospital Regional do Oeste é um grande passo para a saúde da região. Com esse investimento, o HRO terá um aumento significativo na sua capacidade de atendimento, reduzindo as filas de espera.

Conheça detalhes da nova estrutura do HRO clicando abaixo:

CONHECER A NOVA ALA

NEWSLETTER HRO

Fique por dentro de todas as novidades do HRO!